Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Newsletter

Subcomandante da PM garante apoio a ato de desagravo sob ameaça em Paulo Afonso

O subcomandante da Polícia Militar da Bahia, coronel Paulo de Tarso Alonso Uzeda, garantiu apoio da tropa a ato de desagravo, a ser realizado pela OAB da Bahia, logo mais, às 18h, no município de Paulo Afonso. O apoio foi garantido durante reunião com a vice-presidente da seccional, Ana Patrícia Dantas, após uma rádio local convocar a população para uma manifestação, no mesmo dia e horário do desagravo, contrária à advocacia e em favor do comandante do 20º Batalhão de Polícia Militar de Paulo Afonso, Carlos Humberto da Silva Moreira. Autointitulado “Cachorrão”, Carlos Humberto caluniou e forjou provas contra representantes da Ordem que atuavam em defesa das garantias da classe. Segundo Ana Patrícia Dantas, o objetivo é intimidar a classe. “Estão tentando criar um clima hostil de recepção para a classe, causando uma animosidade na cidade, que já é pequena. Por isso, viemos pedir apoio à PM, que é uma instituição séria e respeitável, porque nós vamos realizar esse ato”, reforçou.O coronel Paulo de Tarso tranquilizou a vice-presidente e garantiu apoio e apuração dos fatos. “Podem ficar tranquilos. A sessão vai acontecer. Mesmo que tenha qualquer tipo de movimento, nós teremos alguém lá, à frente. Esses fatos narrados são graves e requerem apuração”, destacou. Com a presença do presidente da OAB-BA, Fabrício Castro, do vice-presidente nacional da OAB, Luiz Viana, da Diretoria e de conselheiros seccionais, o ato será realizado na sede da OAB de Paulo Afonso. Serão desagravados o vice-presidente da subseção, Rodrigo Coppieters, e o vice-presidente da Comissão de Prerrogativas da subseção, Luiz Wagner Santana Montalvão. 
13/05/2019 (00:00)
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia