Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Newsletter

OAB-BA visita Obras Sociais Irmã Dulce

O presidente da OAB-BA, Fabrício Castro, visitou as Obras Sociais Irmã Dulce (OSID) na manhã desta quarta-feira (21). Com a presença de representantes da OSID e da presidente do Tribunal de Ética da Ordem, Simone Neri, a visita teve como objetivo estreitar o relacionamento entre as instituições e discutir formas de apoio da Ordem às obras e à missa em homenagem à canonização de Irmã Dulce.O evento será realizado no dia 20 de outubro, às 17h, na Arena Fonte Nova, e contará com missa presidida por Dom Murilo Krieger. Antes, às 14h, crianças e jovens do Centro Educacional Santo Antônio (CESA), das OSID, farão apresentação artística.O presidente Fabrício afirmou não ter palavras para falar sobre Irmã Dulce e sua obra. "Sinônimo de amor e caridade, nosso Anjo Bom da Bahia deu nome a uma obra que já atendeu e atenderá ainda milhares de baianos e, agora, com esse novo salto com a canonização dela, esse trabalho terá um alcance muito maior, valorizando cada vez mais o exemplo que Irmã Dulce deixou", disse.Simone Neri descreveu a OSID como o maior legado voluntário da Bahia e de maior atendimento à população carente. "Aqui, são oferecidos persos tipos de tratamento voltado à população carente, como o tratamento de câncer, por exemplo", explicou.Para a conselheira das Obras, Rosemma Maluf, a celebração da parceria com a OAB-BA fortalece ainda mais o legado de Irmã Dulce. "Isto porque a Ordem tem uma capilaridade muito grande, então, quando seu líder compra nossa ideia, tudo corre melhor", comemorou.Durante o encontro, Rosemma e a superintendente da OSID, Maria Rita Pontes, apresentaram ao presidente da OAB-BA formas de colaboração junto às Obras. Uma delas foi o "tijolinho": souvenir no valor de R$ 10, vendido na loja Irmã Dulce, na sede da instituição, na Avenida Dendezeiros, voltado à construção da sala de ressonância magnética.Outra forma de doação apresentada foi a de sócio-protetor, em que qualquer pessoa física ou jurídica pode contribuir com um valor mensal fixo por meio de boleto bancário ou débito em conta. Para se tornar um sócio-protetor, o interessado pode preencher uma ficha de cadastro no aplicativo da OSID.As Obras contam, ainda, com outras formas de contribuição, como doação via cartão de crédito, depósito ou transferência bancária e doações de roupas, alimentos, móveis e eletrodomésticos em condições de uso, que podem ser acessadas no link.
21/08/2019 (00:00)
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia